Vereadores têm problemas na estreia de sistema de ponto

02/08/2012 07:07

No fim do semestre passado, Câmara mudou o sistema após denúncias.

Vereadores não conseguiram registrar presença pelo leitor biométrico.

Roney Domingos

Do G1 SP

Vereadores de São Paulo na 1ª sessão do semestre (Foto: Roney Domingos/G1)Vereadores de São Paulo na 1ª sessão do
semestre (Foto: Roney Domingos/G1)

Vereadores paulistanos enfrentaram problemas para registrar presença na Câmara Municipal de São Paulo nesta quarta-feira (1º), primeiro dia do semestre Legislativo e estreia do novo sistema para registro de ponto dos vereadores.

No fim do semestre passado, a Câmara mudou o sistema após denúncias de que ocorria fraude no registro de presença. A partir de agora, só será possível marcar a presença por meio de leitores de digital ou pelo microfone do plenário. A decisão é da Mesa Diretora da Câmara de São Paulo, presidida pelo vereador José Police Neto (PSD).

Dalton Silvano (PV) reclamou por não conseguir registrar a presença pelo leitor biométrico. Também pediram registro pelo microfone nesta quarta-feira os vereadores Sandra Tadeu (DEM), Carlos Neder (PT), Arselino Tatto (PT) e Carlos Apolinário (DEM). Líder do PT, Chico Macena pediu que as medidas adotadas voltem a ser discutidas pelos líderes dos partidos. Apolinário, por sua vez, declarou apoio às medidas adotadas.

De acordo com reportagem do início de julho do jornal “O Estado de S.Paulo”, parlamentares fraudavam o painel eletrônico da Casa para garantir votos e presença quando estavam fora do plenário por meio de três maneiras irregulares: funcionários dentro do plenário, utilizando senhas pessoais e intransferíveis dos parlamentares, acessam terminais no lugar dos vereadores e registram no painel a permanência dos políticos; o vereador marca sua presença por meio de um terminal situado ao lado de um elevador privativo, em uma sala secreta fora do plenário; e o parlamentar registra, ele mesmo, sua permanência, mas sai em seguida da sala.

Matéria publicada originalmente no Portal G1/SP