Plano de melhoramento viário Arco Tietê é aprovado em definitivo

24/08/2016 20:15

2016-08-24-SS Plenaria-Abueno1768ABRE


O Projeto de Lei (PL) 721/2015, que dispõe sobre o plano de melhoramentos viários para o subsetor Arco Tietê da Macroárea de Estruturação Metropolitana, definida pelo Plano Diretor Estratégico do município, foi aprovado em segunda e definitiva votação no Plenário da Câmara Municipal na sessão extraordinária desta quarta-feira (24/8).

2016-08-24-SS Plenaria-Abueno1721MIO

Vereador Paulo Frange (PTB)

A proposta prevê uma restruturação da mobilidade na região da zona norte da capital com abertura de mais de 30 km de novas avenidas, além de possibilitar o alargamento de 45 km de ruas e avenidas já existentes, entre outras intervenções, em uma área com mais de 6 mil hectares.

“Esse projeto terá seu melhoramento viário consolidado em trinta anos com base no que foi determinado na Lei de Zoneamento. Trata toda esta região de forma que possa interligar os modais de transporte. Temos o Metrô que está na linha norte-sul e a proposta traz avenidas interligadas com corredores de ônibus, que vai fazer essa região qualificada com a mobilidade urbana. Todas essas novas avenidas terão corredores, com ciclofaixas segregadas e áreas de circulação de pedestres”, ressaltou o relator do PL, vereador Paulo Frange (PTB).

2016-08-24-SS Plenaria-Abueno1726ABRE

Vereador Aurélio Nomura (PSDB)

Para o vereador Aurélio Nomura (PSDB), único voto contrário ao PL, a propositura deveria ser mais discutida com a população local. “Nós temos um cálculo de mais de 5 mil imóveis desapropriados, isso numa região que vai atingir 450 mil pessoas. E só em desapropriação pretende-se gastar mais de R$ 5 bilhões. Essa proposta precisa ser discutida com mais profundidade, será que as pessoas que terão suas casas desapropriadas conhecem esse projeto?”, questionou.

Com a aprovação definitiva da Câmara, a proposta segue agora para sanção do prefeito Fernando Haddad.

Fonte: Portal da CMSP