Kassab sanciona lei que concede incentivos ao "Itaquerão"

21/07/2011 08:38

Gute Garbelotto / CMSP
Foto: Gute Garbelotto / CMSP

O Prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, sancionou nesta quarta-feira o PL 288/2011, de sua autoria, que garante até R$ 420 milhões em incentivos fiscais para a futura construção do estádio do Corinthians, em Itaquera, Zona Leste de São Paulo. A assinatura da nova lei ocorreu em uma cerimônia realizada no canteiro de obras do estádio, e reuniu membros do Executivo, vereadores, a diretoria do time alvinegro e lideranças comunitárias.

O prefeito sancionou a lei com veto à emenda que condicionava a concessão dos incentivos à escolha de São Paulo como sede de abertura da Copa 2014. Apesar do veto, Kassab afirma que o importante é a isenção fiscal estar vinculada à conclusão da obra, como consta no texto da lei.

Segundo Kassab, é muito importante que São Paulo sedie o jogo de abertura da Copa do Mundo em 2014, evento que, segundo ele, pode gerar receita de R$ 1,5 bilhão para a cidade. O prefeito afirmou ainda que o estádio beneficiará os habitantes da Zona Leste da Capital e elogiou a atuação da Câmara Municipal no processo, “que de maneira digna e amiga de São Paulo discutiram a aprovaram o Projeto de Lei”.

O ministro dos Esportes, Orlando Silva, disse que a participação dos vereadores na discussão e aprovação do PL 288/2011 foi benéfica. “O prefeito teve a iniciativa, porém o debate entre os vereadores fez com que a população percebesse a importância da construção do estádio.”. O ministro, que destacou o forte apoio da população presente na cerimônia, comparou as obras em Itaquera a estádios-sede das Copas do Mundo na África do Sul e Alemanha, localizados em bairros afastados do centro e que contribuíram com o desenvolvimento regional.

Sobre as obras de infraestrutura na Zona Leste, o Secretário Especial de Articulação da Copa, Gilmar Tadeu, afirmou que a lei sancionada nesta quarta-feira terá um forte impacto na região. O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, chegou a dizer que as melhorias feitas na Zona Leste a partir da construção do estádio são muito mais importantes do que os benefícios que ele trará ao clube.

Entorno
Gilmar Tadeu ressaltou que, antes mesmo da inauguração do Estádio, prevista para dezembro de 2013, Itaquera receberá um Polo Institucional, conjunto de equipamentos públicos que inclui unidades de ensino superior e cursos técnicos, centro cultural, entre outros.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, além de destacar os treinamentos específicos para a Copa do Mundo que serão oferecidos no Polo Institucional, afirmou que a cidade de São Paulo terá como legado deste período uma série de melhoras no trânsito, graças às novas linhas de trem e metrô na região, a implementação de uma estação rodoviária próxima ao estádio e melhorias na Radial Leste, principal eixo de ligação de Itaquera com o centro da cidade.

FIFA

Segundo a FIFA, a cidade que sediará a abertura da Copa do Mundo de 2014 será anunciada em outubro. O Ministro dos Esportes, porém, pediu à federação que a decisão seja anunciada o quanto antes, a fim de que as cidades se preparem de maneira adequada. Gilberto Kassab afirmou que está otimista. “Sabemos que é algo ainda pleiteado, mas temos nos empenhado bastante”, disse o prefeito.

 

Fonte: Portal da CMSP