Na Câmara de SP, dia de homenagens para Blatter e liderança do pôquer

10/06/2013 14:20

Do Blog de Diego Zanchetta

A Câmara Municipal de São Paulo faz hoje duas cerimônias com homenagens para o presidente da FIFA, Joseph Blatter, às 17 horas, e para o presidente da Confederação Brasileira de Texas Hold’em, a modalidade mais popular entre os jogadores de pôquer, o empresário Igor Tadeu Trafane, às 19 horas.

Os dois recebem a honraria mais alta concedida a uma personalidade, por serviços prestados à cidade: o título de cidadão paulistano.

Blatter e Trafane recebem a mesma homenagem concedida para personalidades como a presidente Dilma Rousseff, o jogador Neymar e o ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva (PT). As duas cerimônias devem levar hoje ao Palácio Anchieta mais de 400 convidados.

A presidência do Legislativo informou que Jerome Valcke, secretário-geral da Fifa, vai receber a homenagem no lugar de Blatter. Ele vai estar acompanhado de uma comitiva da entidade que vai estar na Comissão de Educação, às 15 horas, para responder questões dos parlamentares sobre a realização da Copa do Mundo na capital. Eric Lovey, João Tonello e Delia Fischer estão entre os integrantes da comitiva.

O ex-jogador Bebeto, o presidente da CBF, José Maria Marin, Marco Polo Del Nero, da Federação Paulista de Futebol, e o deputado federal Vicente Cândido (PT) também confirmaram presença na homenagem a Blatter, às 17 horas, no Salão Nobre.

O título de cidadão paulistano para o presidente da Fifa foi concedido a pedido do vereador Reis (PT) e feito num momento em que a cidade de São Paulo chegou a ser ameaçada de não sediar a abertura da Copa do Mundo de 2014, por causa da indefinição sobre a data de entrega do Itaquerão.

Após a cerimônia para Blatter, o empresário Trafane, a principal liderança do jogo de pôquer no país, também recebe título de cidadão paulistano, às 19 horas, em cerimônia marcada para o plenário principal da Câmara. Trafane defende a legalização das casas de pôquer no país e recebe a homenagem a pedido do vereador Nelo Rodolfo (PMDB).

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, que recebe hoje título de cidadão paulistano