Câmara de SP aprova projeto que propõe enterro de pets com dono

16/05/2013 19:04

Enterrar e manter um animal em um cemitério particular custa mais de 3.000 reais (Divulgação)

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou, em primeira votação nesta quinta-feira (16), o projeto de lei que propõe que animais domésticos sejam enterrados no mesmo jazigo de suas famílias em cemitérios municipais.

Ontem, a proposta já havia sido aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça da casa. Agora, o projeto ainda precisa passar por outra votação na Câmara antes de ser sancionado pelo prefeito Fernando Haddad (PT).

Segundo o projeto, dos vereadores Roberto Tripoli (PV) e Antonio Goulart (PSD), o enterro destina-se a bichos de estimação de famílias que já têm jazigo nos cemitérios municipais.

De acordo com Goulart, o objetivo do projeto é solucionar a atual falta de local para destinação de animais mortos na cidade.

Segundo o vereador, mui­tas pessoas querem enterrar o bicho de estimação no ja­zigo familiar. "O animal faz parte da família."

O projeto foi apresentado no plenário da Câmara na semana passada. Goulart es­tima que a votação definitivada proposta seja feita em cerca de dois meses. "O projeto vai passar sem problemas. É um assunto atual", diz Goulart.

Agora, o projeto ainda precisa passar por duas votações na Câmara antes de ser sancionado pelo prefeito Fernando Haddad (PT).

O Serviço Funerário da cidade diz ser preciso um estudo técnico para avaliar a viabilidade da proposta.

Matéria publicada na Folha de São Paulo