Câmara instala CPIs da Acessibilidade e da Eletropaulo

20/04/2011 10:00

RenattodSousa
PLENARIO-19-4-2011-RenattodSousa-_175-72-ABRE

Duas Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs) foram instaladas durante a sessão desta terça-feira da CâmaraMunicipal de São Paulo. A primeira vai apurar irregularidades na aplicação da política de acessibilidade na Capital, enquanto a segunda investigará problemas no cumprimento da Lei n° 14.023/05, que obriga as concessionárias, empresas estatais e prestadoras de serviço a tornar subterrâneo o cabeamento elétrico da cidade.

Para o vereador Gilberto Natalini (sem partido), que presidirá a CPI da Acessibilidade, a comissão deve buscar um diagnóstico detalhado da situação do acesso em São Paulo.”Vamos fiscalizar governos e particulares em seus procedimentos”, disse.

Farão parte dessa comissão, além do vereador Natalini, os seguintes parlamentares: Quito Formiga (PR), que será o relator, Paulo Frange (PTB), Souza Santos (sem partido), Roberto Tripoli (PV), Marta Costa (DEM), Noemi Nonato (PSB), José Américo (PT) e Francisco Chagas (PT). A primeira reunião da CPI está marcada para o próximo dia 26, às 10h.

Já a CPI da Eletropaulo será composta pelo vereador Donato (PT), que a presidirá, Abou Anni (PV), Adilson Amadeu (PTB), Aurélio Miguel (PR), Domingos Dissei (DEM), Eliseu Gabriel (PSB) e José Rolim (PSDB). Ainda faltam ser nomeados dois integrantes dessa comissão, um do PT e outro do PSDB, e não foi informada a data de sua primeira reunião. Os trabalhos de cada uma das CPIs durarão 120 dias, prorrogáveis por mais 120.

 

Fonte: Portal da CMSP