Adote um Vereador (Agência Experimental de Comunicação Integrada)

13/07/2011 19:00

Escrito por Bruna Dessbessell

A partir de uma iniciativa da rádio CBN São Paulo, apresentado na época pelo jornalista Milton Jung, um grupo de pessoas começou a “adotar” vereadores e passaram a acompanhar bem de perto seus trabalhos parlamentares.

Em outubro de 2008, o projeto Adote um Vereador foi iniciado e seu objetivo maior é fazer com que o cidadão acompanhe regularmente um vereador em suas atividades parlamentares.

O projeto não está ligado a nenhuma ONG pois o movimento, como é destacado no site da organização, não possui dono. A sociedade tem o direito e dever de controlar a ação dos parlamentares, seja na cidade, seja no Estado, seja em Federações. Ao mesmo tempo, a rede que conta atualmente com 17 blogs ativos na cidade de São Paulo, está pronta para trabalhar ao lado de qualquer entidade, como já se faz com a ONG Voto Consciente – pioneira neste trabalho em São Paulo.

O procedimento para participar é simples

O primeiro passo é a escolha de um vereador de seu interesse (podendo ainda ser deputados, senadores, etc.). Em seguida, é preciso abrir um blog onde serão publicadas as informações e comentários sobre o parlamentar escolhido. Após isto, é necessário que se busque informações do político em jornais, rádios, TV’s, sites e blogs, fazendo uma espécie de clipping que deve ser enviado via e-mail ou twitter com perguntas. O contato com a Câmara Municipal ou Assembléia e Congresso, se for o caso, também é muito importante.

A rede do Adote um Vereador depende de iniciativas individuais de cidadãos que se dispõem a escolher um parlamentar na Câmara Municipal de sua cidade e querer fazer este trabalho de coleta de informações. A intenção é que o “padrinho” passe a conhecer melhor a prática no legislativo e se transforme em fonte de consulta para a comunidade sempre que esta estiver interessada em saber o que o vereador realiza.

O endereço do site do Adote um Vereador é http://adoteumvereadorsp.webnode.com.br/.

As informações do blog são atualizadas constantemente e é possível examinar de perto tudo o que os parlamentares “adotados” têm feito.

Saiba mais: http://youtu.be/yIkPXAHgF5E

 

Fonte: Agência Experimental de Comunicação Integrada